Análise do site The Pillar aponta que aplicativo de namoro Grindr é utilizado em áreas protegidas de edifícios do Vaticano, onde não há trânsito de turistas e peregrinos.